Por entre as ruínas da esperança, dançam os embriagados

Por entre as ruínas da esperança, dançam os embriagados

16 de novembro de 2018 // 0 Comments

Acabou. Eis uma palavra tão simples quanto misteriosa. “Acabou”. Com ela um misto de sentimentos emerge do íntimo do ser pasmo que não mais sabe o que dizer e o que escrever. “Acabou”. Signo do fim das lutas, das pugnas, das ansiedades, das surpresas. Reflexo do aquietamento do campo de batalha, do esgotamento dos troféus, do fim dos debates, do encerramento do espetáculo brutal da disputa pelo futuro. “Acabou”. Palavra ainda mais lúgubre quando acompanhada de outra: [...]

Às pessoas que eu amo que optaram pelo capitão

26 de outubro de 2018 // 0 Comments

Caros amigos leitores, uma das maiores virtudes do ser humano é, sem dúvida, a humildade – tão rara nos dias que correm, aliás. A capacidade de reconhecer que, em determinado momento, simplesmente não somos bons o suficiente para fazer coisas que outros demonstraram ter muito maior capacidade de realizar, naquela situação. Eis que me encontro neste caso precisamente agora. Acabo de ler um texto sobre as eleições do próximo domingo que eu, de modo algum, posso suplantar. Digo que [...]

Os trovões soam alto. Calmaria ou mais tempestades?

5 de outubro de 2018 // 0 Comments

Estamos a poucas horas da eleição mais importante das últimas décadas no Brasil. De fato, não tenho receio algum de colocar este pleito como muito mais importante que qualquer um ocorrido desde a redemocratização e a promulgação da – cotidianamente desprezada – Constituição de 1988. O que ocorrerá neste fim de semana, é importante deixar claro, não refletirá apenas nos próximos quatro anos de governança deste país, mas refletirá para todo o mundo como anda a sociedade [...]

Aqui jaz o último fio de esperança

14 de setembro de 2018 // 0 Comments

O fogo arde em meus olhos enquanto escrevo estas linhas. Estes, impossibilitados de segurar as lágrimas provocadas por tamanha dor, ameaçam impossibilitar a conclusão da difícil tarefa à qual me dedico hoje: falar sobre a morte do último fio de esperança na recuperação de uma sociedade que assiste indiferente, à perda irremediável de mais de vinte milhões de itens únicos e insubstituíveis. Que mal parou para pensar nos danos que, por culpa sua, a história e a cultura mundiais [...]

Aqui jaz o último fio de esperança

6 de setembro de 2018 // 0 Comments

O fogo arde em meus olhos enquanto escrevo estas linhas. Estes, impossibilitados de segurar as lágrimas provocadas por tamanha dor, ameaçam impossibilitar a conclusão da difícil tarefa à qual me dedico hoje: falar sobre a morte do último fio de esperança na recuperação de uma sociedade que assiste indiferente, à perda irremediável de mais de vinte milhões de itens únicos e insubstituíveis. Que mal parou para pensar nos danos que, por culpa sua, a história e a cultura mundiais [...]

Uma lupa crítica sobre as eleições

31 de agosto de 2018 // 0 Comments

E eis que começou a corrida eleitoral. O período do ano por mim mais temido nos últimos meses finalmente chegou, e com ele a enxurrada de absurdos, besteiras e desserviços que já esperávamos de uma disputa que há meses anunciava não iria oferecer nada de bom aos brasileiros. E que, iniciadas as campanhas, apenas prezou por cumprir com primor tal promessa. Como historiador que sou, não posso deixar passar sem comentários alguns dos maiores crimes contra a inteligência alheia até o [...]

Sobre educação e incompreensão

17 de agosto de 2018 // 0 Comments

Poucos temas são tão discutidos e tão mal compreendidos quanto a educação. Se é verdade que, como alguém disse uma vez, todo brasileiro é médico e técnico de futebol, talvez seja correto acrescentar que, a estas duas profissões, aqueles identificados com o hábito nacional de opinar sobre tudo também possuem a de professor. Aliás, professor não, que professor é muito raso. De ministro da Educação. Sim, todo mundo sabe o que é melhor para a educação. Todo mundo sabe [...]

Um alerta conveniente

20 de julho de 2018 // 0 Comments

Madeleine Albright possui uma experiência de vida extraordinária. Nascida em Praga, atual capital da República Tcheca, em 1937, foi obrigada a se mudar para a Inglaterra ainda menina, quando sua família se viu forçada a fugir das perseguições e assassinatos provocados pelo regime nazista após a invasão da então Tchecoslováquia, levada a efeito entre 1938 e 1939. Foi de lá que, entre brincadeiras e lições de escola, assistiu ao desenrolar do conflito mais sangrento da História, [...]

Um alerta conveniente

11 de julho de 2018 // 0 Comments

Madeleine Albright possui uma experiência de vida extraordinária. Nascida em Praga, atual capital da República Tcheca, em 1937, foi obrigada a se mudar para a Inglaterra ainda menina, quando sua família se viu forçada a fugir das perseguições e assassinatos provocados pelo regime nazista após a invasão da então Tchecoslováquia, levada a efeito entre 1938 e 1939. Foi de lá que, entre brincadeiras e lições de escola, assistiu ao desenrolar do conflito mais sangrento da História, [...]

A greve acabou. Completa-se mais uma volta na caixinha

31 de maio de 2018 // 0 Comments

E a greve acabou! Neste início de semana menos fria que a anterior, já está estampado nas primeiras páginas de todos os grandes noticiários do país e de alguns do exterior, em letras de triunfo, a notícia tão ansiosamente aguardada por todos os envolvidos. Nosferatu, acuado, cedeu a todas as pressões dos caminhoneiros que lograram paralisar o país. O diesel estará mais barato nas bombas já no próximo carregamento. Empresas do setor receberam incentivos variados, a depender de suas [...]
1 2 3 9
Carregando...