Apostas e previsões para o Emmy

Na semana que vem a Academia de Artes e Ciências Televisivas premia seus melhores da temporada 2017/2018. Por vários motivos aconteceu um hiato aqui nessa coluna e eu não consegui falar mais demoradamente sobre as principais séries indicadas. Como o espaço é pequeno para tanto e a cerimônia já é na segunda-feira (dia 17), vamos fazer algumas apostas e/ou previsões.

Mas antes, vale lembrar que a premiação se divide em vários dias, e o troféu de melhor telefilme, por exemplo, já foi entregue, gerando controvérsia, inclusive. O premiado foi USS Callister, um episódio da antologia de Black Mirror. Há quem diga que uma série de antologia não poderia indicar seus episódios isolados como telefilmes, que isso tiraria o peso e a importância do formato. A academia não parece concordar, pois esse ano repetiu o feito do ano passado, quando San Junipero, episódio da temporada anterior de Black Mirror, levou o mesmo prêmio.

O maior prêmio da noite do Emmy se divide em dois: melhor série de comédia e melhor série de drama.

Na categoria dramática as grandes favoritas que disputam o prêmio são The Handmaid’s Tale, que venceu no ano passado, e Game of Thrones, que levou em 2016 (a série não concorreu no ano passado, porque foi exibida justamente no hiato que o Emmy não considera). Poderia a grande vencedora de 2017 finalmente destronar (trocadilho proposital) a maior indicada de 2018, Game os Thrones?

É verdade que GoT tem apenas duas indicações a mais, 22 contra as 20 da série distópica do Hulu. Correm por fora nessa categoria a segunda maior indicada da noite, Westworld (com 21 indicações) e The Americans, que não tem tanta indicação, mas, finalmente, encontrou seu lugar no coração da crítica. A categoria conta também com Stranger Things, The Crown e This Is Us (o dramalhão familiar da TV aberta que tem alguma chance).

Nossa aposta: The Handmaid’s Tale
Azarão: This is Us

Na comédia temos outro embate triplo, segundo a imprensa especializada. Atlanta x Black-ish x The Marvelous Mrs. Maisel. Com Curb Your Enthusiasm e Silicon Valley correndo por fora.

Mrs. Maisel, a nova série de Amy Sherman-Palladino (criadora de Gilmore Girls), arrebatou corações e já levou o Globo de Ouro no início do ano. A série da Amazon Prime se centra numa dona de casa dos anos 50 tentando uma carreira no stand-up. Já Atlanta é uma série multi-premiada, levou pra casa emmys e globos de ouro de roteiro e direção, todos para seu criador Donald Glover, que nas horas vagas também é o essencial rapper Childish Gambino (se você ainda não viu o clipe de This is America, pare tudo que está fazendo e vá assistir agora). Black-ish corre por fora, como The Americans, mas tem um público fiel e a crítica gosta. A categoria ainda conta com The Unbreakable Kimmy Schmidt, GLOW e Barry.

Nossa aposta: The Marvelous Mrs. Maisel ou Atlanta
Azarão: Black-ish

As outras categorias já foram publicadas aqui anteriormente. Eu gostaria de fazer a aposta de todas elas, mas ficamos sem tempo ou espaço hábil.

Antecipo os principais atores: Sterlingk K. Brown e Elizabeth Moss, como ator e atriz em séries de drama, respectivamente por This Is Us e The Handmaid’s Tale; e William H. Macy (Shameles) e Rachel Brosnaham (The Marvelous Msr. Maisel), na categoria de comédia.

Nos vemos na semana que vem com os resultados!

 

Leave a comment

Your email address will not be published.


*


Carregando...