Audiência com secretário

O presidente do Poder legislativo Municipal de Porto União, vereador Christian Martins (MDB), esteve em Florianópolis na semana passada, onde cumpriu uma série de compromissos. Na secretaria de Esporte, Cultura e Turismo, o parlamentar foi recebido pelo secretário da pasta, Tufi Michreff Netto, (foto), onde solicitou apoio aos projetos turísticos, esportivos e culturais, que estão em tramitação na secretaria. Martins, que é amigo do secretário – eles participaram juntos da Juventude do PMDB, quando o governador do Estado era Luiz Henrique da Silveira, saiu satisfeito com o resultado do encontro de trabalho.

O homem que sabe
demais
É grande a expectativa para as revelações de Antonio Palocci, ex-todo poderoso homem forte do Partido dos trabalhadores (PT), e também muito ligado ao ex-presidente e agora presidiário Lula da Silva. O Ministério Público Federal finalmente aceitou a delação premiada de Palocci, e com certeza, seu conteúdo, vai abalar ainda mais, o mundo político e empresarial.

Sombrio 1
O país está a menos de cinco meses das eleições, e o quadro que se apresenta não é nada animador. Nas rodas de conversa, o assunto é praticamente o mesmo: O que pode se esperar dessa eleição. Nunca antes, um cenário esteve tão confuso, sombrio e embaralhado, no qual os principais nomes da disputa à Presidência da República, enfrentam ações na justiça.

Sombrio 2
Levantamento da Folha de São Paulo aponta que dos 20 pré-candidatos, pelo menos 15, são responsáveis por 160 casos em tribunais brasileiros. Um triste retrato da realidade da política nacional, no qual, muitos dos parlamentares, estão mais preocupados em se reeleger para manter o poder, do que legislar para o bem do país. É a partir dessa triste realidade, que o eleitor terá que escolher seus candidatos. O país chegou a tal ponto de degradação política e moral, que já será um grande avanço se os eleitores tiverem a decência de escolher um candidato que pelo menos, não esteja envolvido em casos de corrupção.

Internet
Entre os cinco milhões de eleitores existentes em Santa Catarina, 80% usa a rede internet atualmente, segundo pesquisa realizada pelo Instituto Mapa. Dado considerado relevante, e que pode fazer a diferença na campanha política deste ano no Estado. O mesmo levantamento mostrou que os líderes na corrida ao governo, estão distantes do marketing digital.

Foro privilegiado 1
A restrição do foro privilegiado por parte do Supremo Tribunal Federal (STF), para deputados e senadores da República, já é um avanço, mas precisa ser mais ampla, para um país, que se pretende alçar ao rol das nações civilizadas. Afinal, não somos todos aguais perante a constituição? No Brasil, há nada menos do que 55 mil autoridades beneficiadas por alguma espécie de diferenciação quando se trata de prestar contas à justiça.

Foro privilegiado 2
Além do presidente da República, e dos ministros de Estado, fazem parte desse segmento privilegiado, 27 governadores, 5.570 prefeitos, 15 mil juízes, 13 mil membros dos ministérios públicos, 476 conselheiros de Tribunais de Contas e 139 embaixadores. Não resta dúvida de que senadores e deputados devem ter seus mandatos invioláveis, quando se trata de iniciativa ligada ao exercício parlamentar, bem como, devem ser protegidos magistrados quando exercem sua função de julgar e assim por diante. Extinguir os foros exagerados e inadequados – para todos – seria um passo à frente, limitá-los apenas a parlamentares federais, pode transmitir uma sensação de discriminação, o que não fortalece a Constituição.

Disseram… “A habilidade pode te levar ao topo, mas é preciso caráter para te manter lá.” John Wooden ex-jogador e treinador de basquete americano, considerado o melhor treinador do seu país.

 

Leave a comment

Your email address will not be published.


*


Carregando...