É candidato

Conversei com o professor Alysson Frantz, reitor do Centro Universitário de União da Vitória, – UNIUV – que reafirmou sua intenção de concorrer à reeleição, no próximo pleito eleitoral da Instituição de ensino, que deve acontecer no final do ano. Frantz destacou que, desde que assumiu o comando da UNIUV, juntamente com seu vice- reitor, Lúcio Passos, sempre pautou pela aproximação da Instituição, com a comunidade local e regional e que, a intenção de disputar a reeleição, é para que a dupla de gestores possa dar continuidade aos trabalhos que vem sendo realizados. “É preciso continuar a estabelecer parcerias que se revertam em benefícios da nossa comunidade local e regional, como atuamos em diversas áreas de ensino, temos condições de atender as necessidades, principalmente, nas áreas de engenharia, saúde e esportes.” Afirmou Alysson. Tem direito a voto, de acordo com a legislação, os acadêmicos de graduação, e funcionários. O mandato é de quatro anos.

Procissão 1
Acontece no próximo domingo, 11, a tradicional Procissão Terrestre e Fluvial, de Nossa Senhora dos Navegantes. As 9h30 têm início a Procissão Terrestre, com a imagem da santa, percorrendo as principais ruas da cidade, seguindo até o Balneário do bairro Santa Rosa, em Porto União. Em seguida, as 10h30, a Procissão Fluvial pelo Rio Iguaçu, até a Capela Nossa Senhora dos Navegantes, com missa campal, a beira do majestoso rio, onde, após a missa, inicia o almoço festivo.

Procissão 2
Essas procissões foram iniciadas pelo então navegador, capitão Campolim Ramos, em 1929, quando adquiriu uma imagem de Nossa Senhora dos Navegantes, após ter comprado sua primeira lancha, e colocou a imagem em um oratório encravado num paredão, as margens do Rio Iguaçu, na ilha grande, no vizinho município de Paula Freitas, e que, até hoje, recebe um grande número de devotos. A atual Capela, localizada no bairro Navegantes, construída toda em alvenaria, e inaugurada em 2004, tem a forma de um grande barco, e recebe um grande número de turistas.

Volta ao passado
Cólera, dengue, malaria, tuberculose, chikungunya, zika, e febre amarela, e outras doenças que julgávamos extintas, estão voltando com índices preocupantes. A grande verdade, é que a saúde pública no Brasil está na UTI, e o que é pior, essa UTI, já não está mais funcionado direito.

Calvário 1
A condenação do ex-presidente Lula, confirmada pelos desembargadores do Tribunal Regional Federal da 4ª Região, (TRF-4), de Porto Alegre, apenas uma das sete ações penais contra ele. Há dois casos em andamento em Curitiba, nas mãos do juiz federal Sergio Moro, e outras quatro, em Brasília, sob a responsabilidade do juiz federal Vallisney de Souza Oliveira. Nenhuma delas teve sentença ainda.

Calvário 2
Confira abaixo as ações contra Lula. 13ª Vara Federal de Curitiba, acusado de ganhar reforma e móveis em um sítio de Atibaia (SP). Acusado de ganhar imóveis da Odebrecht, em troca de contrato da Petrobrás. 1ª Vara Federal de Brasília, acusado de tentar evitar delação premiada de Nestor Cerveró, acusado de mandar o BNDES, ajudar a Odebrecht, em troca de receber palestras remuneradas, para “esquentar a propina.” Acusado de comprar caças suecos e manter benefícios fiscais da Medida Provisória 627/2003, em troca de R$ 2,5 milhões de reais, para uma empresa de Luis Claudio Lula da Silva, seu filho. Acusado de vender Medida Provisória, 4711/2009, para as montadoras. Como se vê, a vida de Lula, de agora em diante, não vai ser nada fácil.

Disseram… “Não nos peçam passividade nesse momento. Há uma ditadura de toga nesse País. Não podemos mais dizer que vivemos numa democracia e agora só temos um caminho: a rebelião cidadã e a desobediência civil. Vão fazer o que? prender o Lula? Vão ter de prender milhões de brasileiros antes”. Linderberg Farias, senador da República do Partido dos Trabalhadores (PT).

 

Leave a comment

Your email address will not be published.


*


Carregando...