Jogo das Estrelas do basquete não será no Pastuchão

O 26º jogo masculino já tem data marcada:
dia 8 de dezembro.

Já o feminino que será o 11º jogo, também será no dia 8, no período da manhã na quadra de esportes do Colégio São José.
Deverão estar presentes grandes feras da bola ao sexto que marcaram os estados de Santa Catarina e do Paraná. Defendendo as cores de Porto União e União da Vitória em muitas jornadas inesquecíveis e títulos heróicos. No masculino quem não se lembra do terceiro lugar nos segundos jogos abertos realizados em Florianópolis, quando nossa equipe conquistou um belíssimo 3º lugar. Era a fase dos trabalhos dos mestres, Hilário Desordi e Pastuch. Uma geração que tinha Hilário, Otavinho, Rui Cachoeira, Zé Acácio entre outros. Pouco tempo depois o campeonato Paranaense (1964), pelo Colégio Túlio de França. E mais recentemente com o técnico Jorge Manfroni, o título do estadual paranaense com as seguintes feras: Ribas, Guma, Fontana, Everson, entre outros.
E em Porto União as extraordinárias conquistas da OLESC, estadual sub-15, campeonato brasileiro colegial, e recentemente o título invicto na categoria Sub- 12, masculino.
Já no feminino nossas musas não ficam atrás, desde a primeira geração com cinco campeonatos escolares, tetra campeão dos joguinhos abertos, inesquecível conquista do vice-campeonato dos JASC (1980), e mais recentemente campeão no Sul-brasileiro sub-15 e várias gerações sendo convocadas para seleção catarinense.
Por isto tal encontro do chamado JOGO DO ANO, serve para relembrar tantas conquistas, tantas gerações que continuam surgindo em nossas duas cidades e que vale a pena recordar. O basquete masculino e feminino, sem dúvida, é o que mais divulga e representa as cidades Brasil a fora.
Estarão presentes Andreia, Ane, Bethe, Ana Estela, Giselda, Pandorga, Márcia, Jane, Duda, Gabi, Uná, Fernanda, Mauren e Nayara entre outras

Títere vice-prefeito, o senhor deve melhorar.
Completando quase dois anos da administração Eliseu – Percy, correm boatos de uma desavença entre ambos.
Já ouve um belo aceno com a retomada do diálogo entre a comunidade esportiva do basquete. Pois o senhor secretário de Administração autorizou por duas vezes o transporte. Porto União foi campeão estadual invicto.
Por isso espera-se que a eventual desavença entre os dois mandatários do município não tenha passado de boato e a atual administração possa terminar com uma boa gestão em todas as áreas e a educação integral através do esporte só saíra ganhando.
Nas recém terminadas eleições, o povo deu sinais que acabou a velha política, não existem mais donos da verdade. Os governantes devem se interar com o povo para melhor administrar sua cidade, estado ou a nação, com a atual crise em todos os estados e municípios do Brasil a participação popular novamente deverá ganhar o respeito dos chefes dos executivos.
Vamos todos, Executivo (incluindo o vice), Legislativo e Judiciário trabalhar pelo o bem estar dos municípios, e a juventude, futuro do país, deverá ter uma participação especial no processo.

 

Leave a comment

Your email address will not be published.


*


Carregando...