O encontro do Brasil consigo mesmo

Caros leitores. Confesso que, ao buscar definir qual seria o tema desta nossa conversa, quase sem perceber me encontrei frente a um dilema de não pequenas proporções. Como é do conhecimento de todos aqueles que dedicam generosamente alguns minutos de sua semana lendo estas linhas, quando concebi esta coluna o fiz com o objetivo principal de auxiliar, dentro de minhas óbvias limitações, toda uma população que tão calorosamente me recebeu há pouco mais de um ano a compreender seu presente, utilizando como ferramenta para isso o conhecimento de seu passado. Adotei, naquela ocasião, o pressuposto segundo o qual jamais conseguiremos entender nossa atual posição no mundo sem tomar contato com nossa trajetória, seja esta tomada em sentido individual, grupal ou social. Assim como ninguém consegue explicar satisfatoriamente suas escolhas presentes e seus projetos de futuro sem recorrer à sua própria formação, entendia eu que também nossa sociedade necessitava de tal exercício para melhor conhecer suas fraquezas e suas virtudes, buscando atuar, a partir daí, da melhor maneira possível para melhorar-se continuamente garantindo, desta forma, um futuro muito melhor para nós e nossos descendentes.
O problema é que, ciente deste objetivo e sabedor de que as análises aqui veiculadas precisam versar, preferencialmente, sobre temas históricos, eis que me vi na contingência de atender a um impulso irresistível para tratar de um assunto mais do que atual. Um tema que possui também suas raízes na história de nosso país, mas que por se encontrar tão profundamente arraigado e difuso no solo fértil de nossa identidade nacional se tornou difícil de visualizar, complicado de identificar, trabalhoso de explicar e quase impossível de compreender. Algo que nos acompanha desde “sabe lá quando” (nem mesmo os pesquisadores mais determinados conseguem atingir uma unanimidade quanto a sua data de nascimento – se é que se pode dizer que algo tão profundo tenha nascido em algum momento, ao invés de ter existido “desde quando o mundo é mundo”, para citar uma expressão comum aos mais antigos). E que, entretanto, é atual. Incrivelmente atual. Assustadoramente atual.
Imagino que os amigos que tiveram a bondade de me acompanhar até aqui já possam estar impacientes neste momento. “Mas, afinal, de que tema este sujeito está falando?” Para aqueles que já estiverem formulando esta pergunta, peço encarecidamente que se acalmem e, se a impaciência realmente for muito grande, abandonem esta leitura. Porque eu simplesmente não sei, e vai aqui mais uma confissão bastante sincera, explicá-lo. Não sei sequer por qual nome chamá-lo. Meus dezesseis anos de estudo quase ininterrupto da história nacional simplesmente não foram suficientes, ainda, para me permitir avançar qualquer tipo de análise científica (portanto imparcial) sobre ele. Entretanto confesso, tomado de indizível surpresa, (sim, já estamos na terceira confissão!) que este assunto me assombra. Me inquieta. Me emociona. Quase me paralisa.
De fato, minha ausência neste jornal na última semana se explica por minha completa incapacidade de lidar de modo minimamente neutro com o elemento histórico mais atual do país. Este para o qual não consigo oferecer nome, nem explicação, nem imparcialidade. Mas que permite que seres humanos escolhidos para representar minha nação venham a público decidir o futuro de milhões de pessoas em nome de suas esposas, filhos, pais, mães, avós, famílias inteiras, deuses, religiões. Não apenas votar em nome dessas pessoas, mas tentar fazer com que uma criança o faça. Que faz com que políticos os quais – seria de imaginar-se – deveriam saber como atuar no parlamento brasileiro justifiquem sua posição com relação a um processo de responsabilidade administrativa argumentando com a não construção de uma usina, com os buracos de uma estrada. Não que estes problemas não existam. Eles existem e são graves. Mas não é preciso conhecer as centenas de artigos da Constituição federal para concluir com muita facilidade que uma coisa, neste caso, absolutamente nada tem a ver com a outra.
Mas tem mais. Fui paralisado na última semana pela constatação de que as impolutas consciências que gritavam a plenos pulmões pela defesa da ética, da honestidade, do combate à corrupção, da reconstrução do país possuem trajetórias capazes de envergonhar o mais polêmico galã dos contos de Nélson Rodrigues. Como não ficar boquiaberto vendo um Paulo Maluf, um Eduardo Cunha, um Miguel Haddad (conhecida figura política de Jundiaí, onde morei por quase vinte anos) apresentarem-se como defensores da moral e dos bons costumes? Que dizer de alguém que defende, em cadeia nacional de televisão e mediante amplíssima cobertura da internet, a tortura institucionalizada pelo DOI-CODI nos sombrios anos da ditadura civil-militar, que demonstra inegável orgulho ao fazê-lo e que, minutos depois, ofende um colega parlamentar com palavras de baixo calão e ofensas impronunciáveis de cunho homofóbico? Isso tudo, não esqueçamos, no espaço projetado para servir de palco de atuação da representação da sociedade brasileira. E o deputado pernambucano que votou contra o impeachment em nome de uma dinastia atuante já nos tempos do Império, quando seus antepassados mataram e morreram no movimento que entrou para a posteridade com o nome de Revolução Praieira? Como explicá-lo?
Tudo em nome da mudança. Sempre em defesa da esperança. Porque é preciso construir o novo, abandonar o passado. É preciso “virar a página da história” e iniciar uma nova, na qual o desenvolvimento seja a pedra de toque e a justiça econômica e social seja o mantra entoado por todos. Porque é preciso permitir que, mais uma vez, a história se faça presente entre nós, travestida de futuro promissor. É preciso que erros sejam repetidos para que tudo se acerte. É preciso abrir caminho para que a múmia milenar, com roupas reluzentes e maquiagem retocada, possa dançar, deslumbrante, sua valsa de debutante inédita, porém repetida ao longo de séculos de trajetória da nacionalidade brasileira. Não, caros leitores, a história não se repete! São os homens que insistem em repetir a incompreensível alquimia que permite trazer de volta à vida sombras e fantasmas que se imaginavam já exorcizados. É a mudança sempre chegando para deixar tudo igual. É a esperança se renovando sobre os mesmos vícios. São os nomes se reinventando para continuarem os mesmos.
Desculpem, prezados amigos, mas hoje não sei se escrevi sobre história ou sobre atualidade. Só sei que não consigo lidar bem, nestes dias, nem com um nem com outro. E sei também que o futuro nunca se pareceu tanto com o passado. Dois tempos que se fundem em um presente conturbado, no qual não sabemos bem em que época estamos, e no qual o Brasil profundo se encontra consigo mesmo, revigorado por vícios seculares. Que venha o porvir! E que nós, historiadores, voltemos a ser capazes de visualizá-lo, identificá-lo, compreendê-lo e explicá-lo, de modo imparcial e científico. Até a próxima!

Leave a comment

Your email address will not be published.


*


male-enhancement-pills   penis-enlargement-medicine   best-penis-enlargement-pills   male-enhancement-pills-that-work   penis-pills   best-erection-pills   penis-enlarger   penis-enlargment   best-sex-drugs   evermax-pill   penis-enlargements   hard-on-pills-that-work   enhanced-male-pills   male enhancement   penis extender   best male enhancement pills   penis enlargement medicine   best male enhancement   penis stretcher   penis enlargement pills   extenze reviews   penis extenders   sex pills   how to produce more sperm   extenze review   extenze male enhancement   male enhancement pills that work   bathmate results   male enlargement pills   male extra   extenze pills   how to increase semen volume   increase sperm volume   penis pills   volume pills   male enhancement pills that work fast   increase semen volume   bathmate before and after   best penis enlargement pills   male enhancement pill   penis enhancement   penis pump before and after   how to increase sperm volume   best budget penis pumps   enhanced male   best erection pills   bathmate review   best penis pumps   penis traction   how to produce more cum   male enhancement products   3 ways to increase seminal fluid   male enhancement pills over the counter   penis pump results   increase ejaculate   best sex pills   male enhancement reviews   how to produce more semen   dick pills   sex pills for men   penis enlargement pill   how to increase ejaculate volume   how to increase ejaculate   extenze side effects   huge ejaculation   penis enlargement pump   water penis pump   male enhancement supplements   do penis enlargement pills work   increase semen   bath mate   penis pump reviews   penis growth pills   best male enhancement pill   bathmate routine   size genetics   male supplements   male enlargement   male extra reviews   the best male enhancement pills over the counter   how fast does extenze work   how to ejaculate more   extenze results   penile extender   bathmate x30   max performer   best penis extender   bathmate reviews   semen volume   extenze extended release   penis pumps   dick enlargement   how long does it take for extenze to work   dick pumps   penile traction   big loads   best male enhancement pills that work   increase sperm volume pills   extenze pill   best male enlargement pills   male sex pills   penis strecher   home made penis pump   dick extender   cum pills   natural ways to increase seminal fluid   best penis enlargement   penis pump before after   penile traction device   best over the counter male enhancement   over the counter male enhancement pills   male extra review   vigrx plus review   does bathmate work   extenze directions   best penis   penis enlargement pills that work   volume pill   sex pill   male enhancer   increase cum   extenze ingredients   semen volumizer   increase semen production   do male enhancement pills work   enhancement pills   vigrx pills   penis enlargment pills   stamina pills   are penis pumps safe   cock pumps   darren jackson   best natural male enhancement   penis stretchers   best penis enlargement medicine   male enhancement drugs   how to increase sperm thickness   where to buy vigrx plus   best sex pills over the counter   sexual enhancement pills   increase ejaculation   increase cum volume   sexual enhancement   penis enhancers   hard on pills that work   enhancement male pill   extenze ingridients   extenze befor and after   malextra pills   extenz results   penis enlargements pumps   extenze ingredience   male enhancement pills   penis enlargement medicines   volumepills review   penis extender result   extenze ingredient   penis pump review   how to increase ejaculation volume   cock extenders   penis enlargement devices   vigrex tablets   how to increase semen amount   male performance pills   bathmate hydro   how to increase cum load   penis extenders reviews   best male enhancers   how to increase semen production   how to produce more seminal fluid   bathmate x40   male drive max   increase cum load   bathmate before after   volume increaser   produce more sperm   best male enhancement pills over the counter   max load pills   volume pills review   natural male enhancement herbs   delay pills for men last longer   cock stretcher   enhanced male pil   male enhancement pills free trials   penispumps   penis enlargement device   male sexual enhancement   extend pills   sex enhancement pills   all natural male enhancement   long sex pill   best male supplement   extenze maximum strength   do penis pills work   produce more semen   how to produce more seminal fluid naturally   increasing semen volume   penis extenders review   how to increase semen   best male enhancement pills 2019   male enhancement pills reviews   increase ejaculate volume   bathmate hydro pump   increase seminal fluid   natural male enhancement pills   hydro penis pump   vigrx reviews   do penis extenders work   over the counter male enhancement   male enhancements   top male enhancement pills   penis traction device   bathmate pump  

Carregando...