Lemonade Joe um filme para ver no Cineclube Agulheiro 310.

No sábado, dia 07/07/2018, o Cineclube Agulheiro 310 realizará sua 10ª sessão no ano. Ao longo de sua trajetória, o Cineclube Agulheiro, proporcionou momentos inesquecíveis com os mais variados filmes e gêneros cinematográficos. Assim, nesta próxima sessão não será diferente, o Cineclube traz para o telespectador Lemonade Joe (no original Limonádový Joe aneb Koňská opera), um filme de 1964.
O diretor checo Oldrich Lipský nos apresenta um filme que tem todas as qualidades e características do bom e velho Western, que segundo o crítico de cinema Andre Bazin é o único gênero cujas origens se confundem com as do cinema, e que quase meio século de sucesso sem eclipse mantém sempre vivo (pág.199). A história é situada em Stetson City, Arizona, no ano de 1885 com um cenário marcante e seu tema musical em grande estilo apresenta um herói bom de gatilho e vilões sem piedade. O diretor tem uma visão muito próxima de Sergio Leone (Por um punhado de dólares -1964) uma visão irônica, cínica, crítica e debochada, abandonando a velha narrativa de denúncia para focar mais no ambiente inóspito em que os personagens vivem. Com uma pitada de humor, ele ridiculariza a covardia e as trapaças de alguns maldosos pistoleiros, apresentando um herói que necessita da Kolaloka, uma sátira a certas bebidas, para melhorar sua mira no gatilho e acertar o alvo sem dificuldade. Lemonade Joe nos apresenta elementos técnicos que junto com a câmera lenta dão vida ao escárnio e quadros em sépia, blocos narrativos comuns, cores marcantes interrompem a atmosfera e opiniões de toda a cidade.
Lemonade Joe mistura abordagens do western clássico e tradicional para apresentar um final irônico e cheio de surpresas. É um filme cheio de influências, assim como próprio Western, é um sucesso assim como o WhisKola. Lemonade Joe é sem dúvida um filme que exige do telespectador cautela e permanência no velho oeste.

 

Leave a comment

Your email address will not be published.


*


Carregando...